Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2010

AMOR OU AUTO AMOR?

Falar de auto-amor é uma tarefa pouco fácil, pois logo confundimos com mimos. Já que isso se refere a fazer tudo o que se quer, a tomar atitudes voluntariosas, a colocar-se no centro do mundo para que os outros entendam nossas aspirações, é ficar numa boa, não importando mais nada. É centrar-se no próprio eu e só ter olhos para si e suas fantasias.

Assim como fizemos com a noção de amor, vamos tirar de nossa cabeça algumas idéias errôneas a respeito de amor por si, para ficarmos só com os verdadeiros componentes do auto amor.

Muitas vezes deixamos de fazer algo para que o outro não ache ridículo. Isso é auto-amor?

Em nome da vaidade, criamos regras, normas, nos tornamos moralmente certinhos, corretos, perfeitos. Escorregar jamais, tampouco cometer uma falha, pois seria errado. Isso é auto-amor ou vaidade? Só que não nos permitimos ser o que somos, pois temos um ideal e ele tem que ser cumprido. Queremos, por amor a nós, fabricar o ideal de nós mesmos. Em vez de conquistar o que somos, va…