JANEIRO BRANCO: MÊS DA SAÚDE MENTAL, SAÚDE MENTAL SEMPRE

Recebi este GIF via Whatsapp, espero que funcione na sua mídia
Falar de saúde mental é compreender que esta é, sem medo de ser audaciosa em minha posição, o território, o recurso natural, a tecnologia mais valiosa da existência que cabe ao ser humano explorar. Como ainda somos estrangeiros dentro de nós mesmos, apesar dos  importantes avanços que somos capazes de criar. 

As perspectivas de crescimento dos transtornos mentais e seus inegáveis danos à saúde e à produtividade por cada vez mais incapacitarem ao trabalho e ao desfrutar da vida, torna-se cada vez mais algo que não mais pode ser ignorado, daí a iniciativa de transformar o mês de Janeiro no mês da Saúde Mental -  JANEIRO BRANCO.

Em muitas ocasiões o PSICOLOGIA EM FOCO falou sobre o quanto se tornou insustentável manter a separação corpo e alma - O penso, logo existo de Descartes, somado a todos os pensadores que forjaram a estrutura e o funcionamento do Ocidente, tem se mostrado ineficaz ao longo dos anos para dar conta da comp…

Leitura é função da escola?





Prof. Ana Maria de Andrade

Pais e professores têm impacto direto na atitude e no comportamento das crianças com relação à leitura. A maior parte dos bons leitores declara que é filho e aluno de pessoas que leem com prazer e os ajudaram a encontrar livros interessantes para ler e desenvolver o gosto pela leitura. O problema existe no mundo inteiro: na média, 3 de cada 10 adultos que aprenderam a ler e a escrever só conseguem entender textos muito curtos e simples. O problema da dificuldade com a leitura é menor nos países de Educação Infantil mais desenvolvida e generalizada, e onde os pais e professores leem mais, alimentando com o exemplo o entusiasmo das crianças pela leitura. 

Comentários