JANEIRO BRANCO: MÊS DA SAÚDE MENTAL, SAÚDE MENTAL SEMPRE

Recebi este GIF via Whatsapp, espero que funcione na sua mídia
Falar de saúde mental é compreender que esta é, sem medo de ser audaciosa em minha posição, o território, o recurso natural, a tecnologia mais valiosa da existência que cabe ao ser humano explorar. Como ainda somos estrangeiros dentro de nós mesmos, apesar dos  importantes avanços que somos capazes de criar. 

As perspectivas de crescimento dos transtornos mentais e seus inegáveis danos à saúde e à produtividade por cada vez mais incapacitarem ao trabalho e ao desfrutar da vida, torna-se cada vez mais algo que não mais pode ser ignorado, daí a iniciativa de transformar o mês de Janeiro no mês da Saúde Mental -  JANEIRO BRANCO.

Em muitas ocasiões o PSICOLOGIA EM FOCO falou sobre o quanto se tornou insustentável manter a separação corpo e alma - O penso, logo existo de Descartes, somado a todos os pensadores que forjaram a estrutura e o funcionamento do Ocidente, tem se mostrado ineficaz ao longo dos anos para dar conta da comp…



Educação do Homem Integral 

Hubert Rohden 

O problema paradoxal da educação é abordado neste livro de maneira verdadeira e total. Seu autor, o filósofo e educador contemporâneo HUBERT ROHDEN, apoiado em sua ampla experiência, nos apresenta um livro informativo, formativo e transformativo. A essência do livro reside no conceito de que ninguém pode educar ninguém: alguém somente pode educar-se a si mesmo.

Pra ROHDEN, aquilo que hoje em dia se chama educação é, quase sempre, mera instrução, e ele enfatiza que a instrução se refere aos objetivos: a educação visa o sujeito.

É certamente necessário que o homem seja instruído – mas não é suficiente. Para ser instruído basta colher certa soma de conhecimentos exatos sobre diversos objetos que o homem possui ou procura possuir – mas, para ser educado, é necessário que dentro de seu próprio sujeito, realize as qualidades que perfazem o seu verdadeiro Eu. Descobrir fatos fora de nós é instrução – realizar valores dentro de nós é educação.

O problema da educação culmina, logicamente, no problema da auto-realização do homem. Para que alguém seja verdadeiramente educador não basta estudar esta psicologia periférica e superficial que vem exposta na maior parte dos nossos compêndios – é necessário que desça à sabedoria abismal de seu próprio EU, aos mais profundos abismos da sua natureza humana, daquilo que ele "é", e não apenas daquilo que ele "tem".

Já sabemos que o homem é muito mais aquilo que pode vir a ser e deseja ser do que aquilo que é no plano histórico da sua vida.

Textualmente diz ROHDEN: "O que o Mestre fez, e o que todo mestre pode e deve fazer é mostrar o caminho no qual o discípulo se pode autoeducar. Mas nenhum meste tem certeza de que seu discípulo siga esse caminho. O livre-arbítrio do homem é uma fortaleza inexpugnável, cujas portas não abrem para fora, mas somente para dentro."

Homem, procura ser no teu externo aquilo que és no teu interno ser. Existencializa humanamente a tua divina essência – e serás ótimo educador, por seres plenamente educado.

Auto educação é auto-realização.

Extraído do Livro Educação do Homem Integral HUBERT ROHDEN

Comentários