quarta-feira, 2 de março de 2016

REFLEXÔES "TIPO" OLÍMPICAS 2: QUANDO A COMPETIÇÃO É DESTRITUVA




Pra que competir se apenas posso tocar com alegria meu instrumento na Orquestra da Vida?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...